Ministros de consolação

📜“Bendito seja o Deus e Pai de nosso Senhor Jesus Cristo, o Pai de misericórdias e Deus de toda consolação! É ele que nos conforta em toda a nossa tribulação, para podermos consolar os que estiverem em qualquer angústia, com a consolação com que nós mesmos somos contemplados por Deus.”
2Coríntios 1:3-4 ARA

Não é uma simples coincidência Paulo iniciar sua carta com a declaração que hoje lemos. Mais do que qualquer outra entre seus escritos, a segunda carta aos Coríntios guarda um detalhe assustador das tribulações pelas quais o apóstolo passou. Em Coríntios 11, a lista de suas experiências inclui: trabalhos, prisões, açoites, várias, naufrágios, fadigas, fome, sede, frio e nudez. Como não falar com autoridade sobre o tema da consolação?

Nestes versículos, ele menciona pelo menos duas coisas que são importantes para nós. Primeiro, diz que Deus é: “o Pai de misericórdias e o Deus de toda consolação”. Estas duas características de Sua pessoa colocam em destaque a bondade existente em Seu coração. Sem dúvida, Ele ama a todos indistintamente, mas parece ter uma especial compaixão pelos que se encontram em situações de angústia, injustiça, opressão ou abandono. Muitas vezes Ele é descrito no Antigo Testamento como Deus dos “de coração quebrantado” (salmos 147:3). De forma sobrenatural, serve aos que estão em crise cobrindo suas feridas para serem restauradas. Assim, Ele fez com inúmeros outros santos ao longo da história, visitando-os em seus momentos de angústia e manifestando-lhes Sua poderosa graça.

Em seguida, o apóstolo afirma que poderá consolar outros com essa mesma consolação. Desejo que você se detenha, por um instante, nesta declaração. Seguramente, em sua caminhada, você estará diante de pessoas que enfrentam momentos de profunda crise pessoal. Você mesmo poderá passar por uma situação dessas. Paulo diz que consola com o mesmo consolo que havia recebido.

Em momentos críticos, são muitos os que chegam para consolar, mas não o fazem com o consolo divino. Contentam-se em recitar versículos, contar suas próprias experiências, ou procuram espiritualizar a prova que a pessoa está enfrentando. Os resultados mostram como são limitados os esforços humanos para produzir obras espirituais.

O consolo que cura é aquele que resulta da ação sobrenatural de Deus. Para poder praticá-lo, você deve tê-lo experimentado. Não é suficiente ter passado por provas. Isto só, não o capacita a consolar, mas se você for consolado pelo próprio Senhor, conhece, então, a terna bondade de Cristo pessoalmente. Ao se aproximar daquele que está atribulado, você agirá com a mesma sensibilidade, com a mesma ternura e com o mesmo cuidado.

Para pensar:
Você somente poderá reproduzir esse tipo de consolo se ele vier das mãos daquele que o consolou, que é o próprio Deus. Não se apresse a dizer a primeira coisa que lhe vier à mente. Permita que o Senhor o guie e o faça participante de um momento de cura sobrenatural.

Autor: Christopher Shaw.

Excelente reflexão para os dias que estamos enfrentando.

Muitas pessoas têm sido afligidas por diversas situações, e nós podemos e devemos ser instrumentos de Deus para ajudá-las a enfrentar esses momentos difíceis.

Como disse o autor, às vezes agimos de forma natural ou superficial tentando ajudá-las, mas acima de tudo devemos buscar em Deus as palavras certas, os momentos adequados, e a forma de como podemos aliviar o sofrimento.

Que o Senhor nos use nesse tempo de angústia e aflição que o mundo está passando, para fazermos a diferença na vida das pessoas que Ele colocar em nosso caminho.

Em oração por você e sua família.

Pastores Almir e Iva Coutinho, da IMEF Curitiba
https://www.facebook.com/imef.curitiba/

Em amor cristão, @biblianafamilia @maecomfilhos Compartilhe #PalavradeEsperança 💌 Envie essa mensagem para alguém, compartilhe e espalhe a Palavra de Deus. 🛐💟✝️ Receba diariamente nossas mensagens no Telegram assinando no link https://t.me/biblianafamilia 📱

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s